O Hospital Universitário Ana Bezerra (HUAB), da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) realizou a maior quantidade de atendimentos durante o 2º Mutirão Nacional da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), realizado em 31 de maio. Foram realizados 1.631 procedimentos em um só dia, dos quais 13 cirurgias ginecológicas; 179 consultas nas áreas de mastologia, odontologia e fisioterapia neuro-funcional; 1.439 exames de vários tipos, incluindo mamografias e ultrassonografias.

A equipe do HUAB também realizou ações educativas a respeito dos diversos tipos de câncer, diabetes, hipertensão, orientação para o cuidado da mulher e do recém-nascido, entre outras.

Para a superintendente do HUAB, Maria Cláudia Dantas Rubim, o destaque é fruto do engajamento dos servidores e professores do hospital, assim como dos alunos e dos médicos residentes no mutirão da Ebserh. “Com a comunidade universitária motivada tudo fluiu com organização e celeridade”, comemorou a gestora.

O 2º Mutirão Nacional da Ebserh contabilizou mais de 12 mil procedimentos médicos, ou seja, potencializaram atendimento gratuito à população, sobretudo à parcela assistida pelo Sistema Único de Saúde (SUS). O resultado do Mutirão da Ebserh em maio mobilizou 39 hospitais universitários (públicos federais) geridos pela empresa, e apresentou um aumento de quase 200% em relação à primeira edição.

No Rio Grande do Norte, a Maternidade Januário Cicco (MEJC) e o Hospital Onofre Lopes (HUOL), ambos integrantes da Rede Ebserh, também participaram do 2º Mutirão Nacional da Empresa. Juntos, somaram 1.650 atendimentos.

Para a reitora da UFRN, Ângela Maria Paiva Cruz, “esse desempenho reflete uma ação de integração dos hospitais públicos num sistema de rede nacional que potencializa os recursos técnicos, humanos e financeiros em favor da saúde da população brasileira menos assistida”.

Publicidade: